Hackathon - Maratona de 24 horas busca soluções para área de saúde

Este ano, o setor de tecnologia da informação decidiu expandir as parcerias do ecossistema local de software e buscou parcerias nos setores do Agronegócio e Saúde. Por isso, a edição 2016 do Hackathon será realizada juntamente com a Unimed Maringá e com o desenvolvimento de soluções específicas para questões ligadas à cooperativa.  

A maratona de programação será realizada neste sábado e domingo, dias 27 e 28, na Unicesumar. O evento vai reunir grupos de designers, programadores e profissionais da área de TI, divididos em três categorias, com o objetivo de desenvolver soluções inovadoras em uma maratona de 24 horas. O objetivo é estimular iniciativas que promovam soluções digitais e beneficiem a saúde suplementar, desenvolvendo ideias e protótipos relacionados aos temas que serão propostos

O número de participantes é limitado e é permitida apenas uma inscrição por equipe. O prêmio será de cinco mil reais para a equipe vencedora em cada categoria. Se a solução vencedora for aplicável, a Unimed terá a possibilidade de utilizá-la e até de contratar os participantes para finalizar o projeto.

O presidente da Software by Maringá, Edney Mossambani, lembra que existem experiências no exterior provando o quanto a tecnologia da informação pode contribuir com a área da saúde. “Essa parceria é importante neste momento em que decidimos que não queremos ser apenas consumidores de novas tecnologias. Queremos e seremos protagonistas de inovações que transformarão nossa sociedade e consolidarão nossa região como pólo nacional de TI”.

Durante o TICNOVA, evento de tecnologia da informação realizado de 17 a 19 deste mês, o empresário Severino Benner, da Benner Saúde, elogiou a parceria entre os dois setores. Ele pontuou que “hoje, no Brasil, nãoexiste colaboração na saúde e não há centralização das informações”. Benner alertou que a população está envelhecendo e que os problemas no setor vão de agravar com a falta de hospitais e médicos.

“Estes desafios só serão enfrentados com a tecnologia. A saúde tem que passar por uma “uberizacao”. Temos que monitorar os idosos com a internet das coisas, vídeo consultas e outras inovações. É fundamental unir medicina e TI”, ressaltou o empresário.

De acordo com o gerente de Inovação e Tecnologia da Unimed Maringá, Fabio Serpa, a realização do Hackathon vai ao encontro da busca que a Unimed tem em aprimorar a experiência do beneficiário com a cooperativa. “Acreditamos que soluções inovadoras têm um papel imprescindível neste contexto e temos a certeza que a maratona é uma ótima oportunidade para proporcionar  isso.” 

Assessoria de Imprensa - Dirceu Herrero.

 

Serviço:    1º Hackathon Unimed Maringá , início no sábado, às 14 horas na Unicesumar, bloco 7, prosseguindo até o domingo.

Data:  sábado e domingo (27 e 28 de agosto)

Telefone:  (44) 3221-7969