Vamos iniciar com uma questão fundamental da logística: ela ainda é um dos grandes gargalos na cadeia de suprimentos.

Perante os outros posts que desenvolvemos sobre o assunto ( confira o que já foi postado aqui ), observamos o valor da logística integrada perante a cadeia de suprimentos e como, na gestão atual, ela vem ganhando uma nova aparência perante todos os envolvidos no intuito de seguir buscando continuamente a vantagem competitiva, chegando a tornar-se um amplo contexto dentro da Gestão da Cadeia de Suprimentos.

Neste sentido, perante a questão inicial, vemos que muitos são os motivos que reduzem ou minimizam a possibilidade de uma eficiência real para as empresas e seus setores neste segmento, principalmente os responsáveis pela área logística. Vejamos: necessidade de melhorias e inovação dos meios utilizados e agentes envolvidos, recursos mal dimensionados ou mal distribuídos, falha na comunicação ou organização dos processos e operações, enfim, diante dos vários cenários, obter a eficiência interna depende também de uma abertura para novos horizontes no futuro da logística corporativa. Um olhar além de seus muros ou simplesmente o limite de atuação físico interno.

Indústrias, atacado, distribuidores, operadores logísticos, transportadores, todos os envolvidos, precisam atuar de forma sincronizada, em sintonia. Se existem atrasos, falhas na comunicação, concorrência nas operações, ou até mesmo processos desorganizadas ou mal definidos, todos sofrem, mesmo que não percebam, o que acaba implicando tanto na satisfação do quadro operacional, quanto na rentabilidade propriamente dita.

Assim, o Agendamento de Cargas e Descargas, foco de nossa temática para melhoria deste aspecto fundamental na organização logística das empresas, contribui para a constante melhoria e os mais diversos ajustes das empresas que se relacionam, gerando benefícios, até mesmo, antes inimagináveis. Por exemplo, motoristas que se sentem satisfeitos ao contar com a pontualidade de horário e seguros com o espaço de permanência na empresa, viabilizando maior agilidade e fluxo no tráfego de caminhões nas docas, assim como colaboradores em sintonia nas tarefas realizadas, pois contam com uma ampla visão do que irá ocorrer através do agendamento prévio de horários e informações precisas. Tudo graças a automação do processo em um sistemas 100% dedicado as ações necessárias ( saiba mais ).

Enfim, analisando e, como resposta a questão inicial, o Agendamento de Cargas e Descargas torna-se uma peça impar e fundamental para que a Cadeia de Suprimentos, e todos os envolvidos, obtenham uma percepção real da continua melhoria, viabilizada para as empresas e principalmente para a detentora desta tecnologia, assim como a redução de esforços e maior possibilidade de redução de custos e lucratividade perante a logística.

O Brasil está começando a conhecer este processo, e observa que o futuro é muito promissor quando encarado diante das inúmeras possibilidade que o Agendamento traz e, não somente ele obviamente, mas também os resultados e indicadores que fomentam a automação e inovação dos negócios.

 

Conheça mais sobre o agendamento de cargas e descargas.