Organizar a logística de uma empresa não é tarefa simples, principalmente quando tudo gira em torno de custos, que por sinal não são baixos, ainda mais se levarmos em consideração impostos e encargos que incidem sobre todas as áreas de uma empresa.

Neste sentido, é fundamental, perante a busca por margens mais significativas de lucro dentro de um mercado cada vez mais competitivo, o planejamento tributário e a capacitação profissional que vise evitar gastos excessivos e processos burocráticos nas operações diárias. 

Um dos maiores vilões nestes casos, acaba sendo o ICMS, dentre outros impostos como PIS, Cofins, IR e taxas obrigatórias. No caso de armazenamento, também contamos com a incidência de ISS. Isto tudo além das complexidades logística propriamente dita.

Se observamos que no Brasil, um dos recordistas mundiais em obrigações acessórias, somando uma alta carga tributária e, acima de tudo, o acumulo tributário que visa a cobertura de custos e não, conforme algumas outras nações, uma política voltada a redução de encargos e a geração de novas oportunidades, devemos ter plena consciência de que não basta apenas optar por cortes diretos nos custos dos processos, mas criar uma cultura de capacitação para melhores práticas, planejamento e estratégias buscando, dentro da lei, mecanismos viáveis para redução da carga e do esforço tributário, assim como preocupações acessórias.

Todas as obrigações, obviamente, devem ser cumpridas, mas isto não impede o uso de meios legais que às tornem mais leve e o caminho menos oneroso, permitindo que a empresa se desenvolva com investimentos mais sólidos em inovação e conhecimento. Citamos, como exemplo, a possibilidade de estruturas societárias diferenciadas, o trabalho com empresas distintas, tudo de forma absolutamente legal. Também podemos pensar nos benefícios fiscais e outros incentivos que são muitas vezes desconhecidos pelas empresas. 

Impostos e encargos, que podem superar os 50% de custos, através de uma boa consultoria fiscal tributária , pode ter seus impactos amenizados, indo até mesmo além, com um planejamento futuro, já que a tendência que se apresenta é o crescente aumento das tarifas perante os documentos fiscais eletrônicos e as obrigatoriedades. Isto tudo aliado a formação consciente de profissionais dentro do grupo logístico para uma política consciente de crescimento sustentável das empresas.

 

Strada Soluções